Comportamento ao fogo

A Madeira possui uma alta resistência ao fogo.
Podem ser alcançadas, em construções feitas de madeira, classes elevadas de proteção contra incêndios.
A combustão de madeira resinosa é somente 0.7 mm/min.
Contrastando com outros materiais de construção o comportamento á combustão é seguro e previsível (a capacidade de carga é mantida por muito mais tempo que numa estrutura de aço por exemplo).
Contrariamente ao senso comum, uma estrutura de madeira, corretamente dimensionada, apresenta uma segurança, em caso de incêndio, incomparavelmente superior à mesma estrutura executada em betão ou aço.
A madeira, embora combustível, tem uma velocidade de combustão perfeitamente determinada e lenta, e não sofre perdas sensíveis das suas características mecânicas sob a ação da  temperatura.
Inversamente, quer o betão, quer o aço, sob a ação de elevadas temperaturas sofrem enormes dilatações que originam rapidamente a ruína da estrutura. Estes dados estão provados quer teoricamente quer em ensaios.